MARCA_O_CONTÁBIL.2

Anúncio

Conheça Mais Sobre o Auxílio Gás

Já pensou conseguir o acesso a benefícios que não só facilitam a vida e economizam dinheiro, mas melhoram a qualidade de vida? Saiba que este é o objetivo do Auxílio Gás, um novo serviço do governo para ajudar famílias que estão em situações vulneráveis. 

Esse auxílio é uma iniciativa pertencente ao programa Alimenta Brasil. Segundo o Governo Federal, o projeto visa reduzir as necessidades de uma população que muitas vezes já participa de programas sociais e faz parte do cadastro único.

O Alimenta Brasil é um programa destinado a compra de alimentos com o intuito de expandir o fornecimento de alimentos e promover a produção de agricultores familiares, garimpeiros, pescadores, povos indígenas e outros povos tradicionais. 

Neste artigo vamos destacar algumas informações importantes para que você possa entender mais sobre o auxílio gás. Se ficou interessado, continue a leitura.  


Anúncio

Como funciona?

Ao contrário do que se possa pensar, o auxílio gás não se trata da doação de um botijão, mas sim da concessão de um valor em espécie para auxiliar as pessoas participantes do programa na aquisição do gás de cozinha a cada dois meses.

O valor concedido é calculado de acordo com o preço médio dos botijões de gás no país. Atualmente, está em torno de R$100,00 por 13 kg. Sendo assim, o auxílio supre em média 50% dos custos do gás de cozinha para pessoas com baixa renda.

O valor é disponibilizado a cada dois meses, isso ocorre porque o gás padrão para uso doméstico de 13kg dura em torno de 50 dias. No entanto, este prazo pode ter alterações de acordo com o consumo de cada família.

Para quem é indicado?

O programa visa ajudar uma parte da população inscrita no Cadastro Único, ou seja, aquelas pessoas cuja renda mensal per capita é inferior a meio salário mínimo. 

O programa também beneficia mulheres vítimas de violência doméstica com medidas de proteção e pessoas que fazem parte do benefício de prestação continuada.

Ainda assim, conforme a Caixa Econômica Federal, a distribuição a concessão do auxílio está condicionada a outros grupos que estão organizados do seguinte modo:


Anúncio

  • Famílias com cadastro atualizado no Cadastro Único nos últimos 2 anos;
  • Famílias de baixa renda;
  • Família com elevada quantidade de pessoas;
  • Famílias beneficiadas pelo programa Auxílio Brasil;
  • Famílias com cadastro certificado pelos administradores com base nos dados de averiguação.

Se você tem interesse em participar do programa para receber essa assistência deve atender a pelo menos um dos requisitos acima.

Como ter acesso ao auxílio?

Para ter acesso a esse benefício você deve primeiro fazer parte dos grupos elegíveis conforme listamos no tópico anterior. A segunda etapa é estar com o CadÚnico atualizado para verificar e apresentar a assistência social que você realmente está elegível para recebê-lo.

No entanto, de acordo com o Governo, você não precisa passar por nenhum cadastro especial para obter o auxílio gás. Caso deseje participar, o governo utilizará sua inscrição já realizada no programa Auxílio Brasil, que é padronizado para pagamento na Caixa Econômica Federal.


Anúncio

O programa Auxílio Brasil substitui vários outros programas como o auxílio emergencial e o programa bolsa família. Caso você não possua cadastro em nenhum dos dois, o cadastro no CadÚnico é obrigatório.

Inscrição no cadastro único

Antes de mais nada, ressaltamos que a inscrição no Cadastro Único só pode ser realizada de forma presencial. Portanto, certifique-se de encontrar um órgão de serviço social que atenda seu bairro. 

Lembre-se de levar os documentos de todas as pessoas da residência. Confira abaixo quais são!

  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento;
  • CPF e RG;
  • Certidão Administrativa de Nascimento Indígena (RANI);
  • Título de eleitor ou carteira de trabalho.

Assim que estiver com todos os dados atualizados, estará pronto para fazer parte e usufruir de diversos programas sociais além do auxílio gás.

A ajuda é uma medida de partilha de custos que garante uma melhor qualidade de vida. Portanto, guarde o dinheiro que sobra no final de cada troca de gás com consciência e assim começará a ter uma reserva de emergência. 

Recomendados para você